Empty Spaces

Empty Spaces – Pink Floyd

O aclamado álbum The Wall, do Pink Floyd, conta com músicas emblemáticas e que perduram no tempo. Uma delas é Empty Spaces.

Uma canção que trata de como podemos superar nossos vazios internos. Preencher as lacunas interiores seria uma grande luta.

O álbum todo trata da busca de Pink por encontrar a si mesmo depois de uma infância conturbada. Mas, como era de se esperar, muitas lacunas se formaram em sua jornada. Por isso a canção faz tanto sentido nessa história.

Para saber mais sobre a música “Goodbye Blue Sky” clique AQUI

Uma mensagem secreta em Empty Spaces

O que pouca gente sabe é que o Pink Floyd deixou uma mensagem secreta no meio da música. Isso mesmo, somente quem prestou bastante atenção encontrou uma mensagem escondida. Mas para poder ouvi-la era preciso ouvir o disco ao contrário.

Porém, você já deve ter ouvido falar de casos semelhantes envolvendo Xuxa e até mesmo os Engenheiros do Hawaii. Mas, no caso de Pink Floyd, a mensagem foi preparada com carinho. Isso pode ser perfeitamente entendido quando vemos o seu conteúdo.

O conteúdo da mensagem

Em Empty Spaces¸ quando a canção alcança por volta de 1 minuto e 13 segundos, é possível ouvir alguns murmúrios. Nesses murmúrios, quando o disco é tocado de forma reversa, é possível identificar o conteúdo da mensagem.

Trata-se de uma mensagem aos fãs do Pink Floyd que começa com Roger Waters dizendo o seguinte:

“Olá, caçadores. Parabéns! Vocês descobriram a mensagem secreta. Poe favor, envie sua resposta para o Old Pink, aos cuidados da Funny Farm, Chalfont”

Nesse momento a mensagem é interrompida por gritos dentro do estúdio:

“Roger! Caroline está no telefone!

Okay”

E então a mensagem finalmente termina.

Decodificando a mensagem

No original a frase começa com “hello, Luka”. Luka é o nome pelo qual são conhecidas as pessoas que buscam mensagens secretas nas músicas. Em Empty Spaces¸ o Pink Floyd resolveu se certificar de que eles efetivamente encontrariam algo.

Outro ponto da mensagem fala do Old Pink. Essa era a forma como a banda se referia a Syd Barrett, o guitarrista da banda que, no momento da gravação, estava em algum lugar em Chalfont, não se sabe exatamente fazendo o que.

A outra parte engraçada da mensagem se refere a expressão “Funny farm”. Essa era a forma pejorativa com que se referia aos hospitais psiquiátricos naquelas época. A mensagem, porém, não chegou a ser concluída.

A interrupção

O “culpado” por Roger Waters não terminar a mensagem foi James Guthrie. O engenheiro de som dá um grito, enquanto o vocalista está falando, e avisa que Caroline está ao telefone. Então, sem dizer onde o Old Pink estava, ele desliga.

Caroline era a esposa de Roger Waters na época e isso explicaria o motivo de ele ter parado de falar de maneira tão abrupta enquanto gravava a mensagem de Empty Spaces.

A mensagem resiste no tempo

Por fim, agora, quando você voltar a ouvir Empty Spaces, você certamente dará mais atenção para os murmúrios que surgem em meio a canção. O Pink Floyd tem uma carreira intensa e cheia de segredos. Dessa forma, esse foi apenas um, que conseguimos revelar hoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.